14/01/2013 12:54:25
996 views


Alagoas menos segura. 27 pessoas foram assassinadas no Estado no final de semana



emergência190 //

fabricio leandro - wadson correia - antonio c. melo

 

Um final de semana sangrento em Alagoas. Somente o Instituto Médico Legal (IML) de Maceió recolheu 17 corpos, a maioria vítimas de arma de fogo. Já o IML de Arapiraca, no Agreste, foram recolhidos 10 corpos.

 

Sete meses após o lançamento do programa Brasil Mais Seguro que visa melhorar a investigação das mortes violentas, fortalecer o policiamento ostensivo e de proximidade (comunitário), efetivar o controle de armas e combater a impunidade muitas famílias alagoanas continuam enterrando seus parentes ou indo a sepultamento de amigos vítimas de homicídios.

 

Mas apesar da abnegação dos que compõem a Força Nacional e a cúpula da Secretaria de Defesa Social (SDS) os assassinatos – aos poucos – tem retornado sem que seus autores se intimidem com as ações da polícia e da Justiça.

 

Na sexta-feira, 11, Maceió adormeceu com um crime misterioso. O corpo do sargento do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) Elenilton Tenório de Melo, 40, que estava desaparecido, foi encontrado desovada em um canavial em terras da usina Cachoeira do Mirim, na região do Benedito Bentes, parte alta de Maceió. A vítima, que não tinha histórico de violência, pode ter sido vítima de latrocínio (roubo seguido de morte). Seu veículo, um Celta, de cor prata, desapareceu LEIA AQUI

 

Ainda na sexta foi morto a tiros Anderson Santana da Silva, 18. O crime aconteceu na Rua Princesa Isabel, na cidade de Campestre, interior alagoano.

 

No Povoado de Canafistula, em Arapiraca, Agreste de Alagoas, foi morta a tiros Rosimeire da Silva Alves Neves, 32. Em Carneiro, cidade alagoana, foi vítima de disparos de arma de fogo Cícero Tomé Ferreira, 55.

 

Na cidade de Campo Alegre foi morto Jardiel da Silva Paz, 27. A vítima foi morta a tiros. Já em Penedo, no Baixo São Francisco de Alagoas, foi assassinado – também a tiros – José Marciano da Silva, 22. Em Quebrangulo, interior do Estado, foi morto a tiros Nivaldo dos Santos, 26. Em Santana do Ipanema, Sertão alagoano, morreu alvejado a tiros Elvis Fernandes Clemente, 21. Ele estava na companhia do técnico de enfermagem Erisvaldo dos Santos Silva, 35, e um menor de 15 anos em frente ao Bar do Wanderley, na Avenida Pancrácio Rocha, no bairro da Camoxinga, às margens da BR-316. Todos brincavam descontraidamente quando foram surpreendidos por homens – que chegaram a pé – armados, que já chegaram atirando. Elvis foi o primeiro e mais alvejado, morrendo no local. O irmão dele – o menor de 15 anos – foi atingido em uma das mãos e o amigo deles, foi ferido no ombro, pescoço e tórax.

 

Na mesma sexta-feira a noite, na cidade de Delmiro Gouveia, também no Sertão, foi executado Lazaro Pereira Feitosa, 31. O crime aconteceu em um dos trechos da Rua Carnaúba de Barros, no bairro Bom Sossego e segundo testemunhas foi praticado por dois homens em uma moto LEIA AQUI

 

No sábado, 12, mais crimes. A primeira vítima foi o adolescente José Marcos da Silva Miranda, 17. Ferido a tiros ele ainda foi socorrido por parentes e amigos até o mini pronto socorro do Tabuleiro, onde entrou em óbito. O crime aconteceu no Conjunto Santa Maria, parte alta de Maceió. No mesmo conjunto, onde na sexta-feira, 11, foi inaugurada uma Base Comunitária da Polícia Militar (PM), foi registrado outro homicídio. A vítima foi Antoniel Ramos Tavares, 26, também atingido por arma de fogo e socorrido por familiares e alguns amigos até o mini pronto socorro do Tabuleiro onde já chegou morto LEIA AQUI

 

Na mesma tarde, em um dos trechos da Rua Manoel Inácio, no bairro da Chã da Jaqueira, em Maceió, foi morto Diego da Silva Nunes, 15, que residia no mesmo bairro. A família do garoto disse que ele não estudava e nem trabalhava e tinha ligações com traficantes de drogas LEIA AQUI

 

Já no “Beco da Fumaça”, por baixo de uma ponte onde passam os trens da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), na cidade de Satuba, na Grande Maceió, foi morto a tiros o desempregado José Cleiton Mesquita de Melo, 23 LEIA AQUI

 

Vítima de arma de fogo morreu na área vermelha do Hospital Geral do Estado (HGE) Daniel de Oliveira Souza, 21, natural da cidade de Salvador, na Bahia e atualmente residindo no Conjunto Benedito Bentes, em Maceió. Ele foi alvejado a tiros no final da tarde do sábado.

 

Nas primeiras horas do domingo, 13, de volta ao bairro da Chã da Jaqueira, Iago Vieira dos Santos, 15, foi executado com vários tiros, principalmente na região da cabeça. O assassinato foi registrado conforme boletim do Centro Integrado de Operações da Defesa Social (CIODS), o crime foi registrado nas primeiras horas deste domingo, 13, em uma danceteria localizada em um dos trechos da Rua Joatas Malta de Alencar LEIA AQUI

 

Também na manhã do domingo, 13, foi morto com dois tiros, sendo um no pulmão e outro no coração, Alexandre Maciel Rozendo Costa. O crime foi registrado em um dos trechos da Rua Doutor Couto Malta, entrada do Conjunto Graciliano Ramos, parte alta de Maceió LEIA AQUI

Em São Miguel dos Campos, Grande Maceió, foi morto José Manoel dos Santos, 47, que residia na Fazenda Retiro, Zona Rural de São Miguel. Ele foi assassinado com golpes de instrumento contundente.

 

Durante à tarde do domingo foi morto com disparos de arma de fogo Cristiano da Silva Santos, 29, o “Quinho”. O assassinato do jardineiro, que participava de uma bebedeira, aconteceu em uma residência na Rua Novo Horizonte, por trás do Conjunto Dom Adelmo Machado, no bairro de Cruz das Almas, em Maceió LEIA AQUI

 

E os crimes não pararam no domingo. Na Rua da Praia, em Fernão Velho, uma briga por causa de som alto terminou com um morto e três feridos a bala. A vítima fatal foi o irmão de um sargento da Polícia Militar (PM), Jonh Hebert da Silva Felix, 21, que residia no bairro do Barro Duro. Ele foi morto pelo motorista Josivaldo Manoel da Silva, 34, residente na cidade de Sirinhein, no Estado de Pernambuco. O acusado, que ainda baleou Anderson José da Silva do Nascimento, 30, Wanderley Izídio da Silva do Nascimento, 28, e Robson Rafael da Silva, 20, residente no Jardim Petrópolis, se sentiu incomodado por não conseguir passar pela rua devido um veículo estar parado com o som alto impedindo a passagem de outros carros. Armado com uma pistola Josivaldo começou a quebrar as caixas de som que encontrava. O proprietário do outro veículo, junto com alguns amigos – em resposta – quebraram o para-brisa do carro de Josivaldo que revidou atirando LEIA AQUI

 

Salienta que o autor dos disparos já foi preso em Pernambuco, em outubro do ano de 2010, após ser perseguido por equipes da PM. Josivaldo Manoel , na oportunidade, dirigia uma Pajero, de cor preta, placa NLV 4004 na companhia de Juliano Silva de Mendonça . No carro foram encontradas armas, munição, cigarros de maconha, notebooks, aparelhos celulares e roupas roubadas na cidade pernambucana de Serra Talhada.

 

Por trás da Associação dos Moradores do Conjunto Graciliano Ramos, no “Campo do 30”, parte alta de Maceió, foi assassinado com diversos tiros, Eliandro Soares Peixoto, 25, o “DDD”. O crime, segundo levantamentos iniciais da polícia, tem ligações com tráfico de drogas LEIA AQUI

Na Ilha de Santa Rita, município de Marechal Deodoro, na Grande Maceió, foi morto o pescador Josival dos Santos, 58. Que residia no Sítio Jiboia. A vítima foi morta com golpes de barra de ferro que lhe atingiram a cabeça. Informações dão conta que Josival tentou defender um filho que brigava com um homem apenas conhecido pelo prenome de Pedro, autor do crime LEIA AQUI

 

A noite do domingo também foi marcada pela violência. Adriano José dos Santos, 25, que residia no Vale do Reginaldo, periferia de Maceió, foi assassinado com golpes de faca no pescoço. O crime aconteceu em um dos trechos da Rua Diegues Junior, no Reginaldo, onde a vítima morava.

Voltando a cidade de Marechal Deodoro, foi morto Welington Herculano da Silva, 19, que residia na Chã do Pilar, na Grande Maceió. O jovem foi morto com cerca de 15 tiros por desconhecidos que estavam em um Gol, de cor branca e placa não anotada. O crime aconteceu em um canavial na Fazenda Hortelã.

 

Na cidade de Junqueiro, foi morto a tiros José Fábio da Silva, 30. Em Porto Real do Colégio foi morto – também a tiros – José Assis Vieira de Souza e em Arapiraca foi morto a tiros morto José Galdino Barbosa LEIA AQUI

 

O Brasil Mais Seguro, uma parceria entre o Governo Federal e o Governo de Alagoas, estado pioneiro no programa, trouxe uma estrutura humana e física – patrocinada pela União – de peritos criminais, delegados e policiais civis e militares da Força Nacional (FN), que em conjunto com a Polícia Civil (PC) e Polícia Militar (PM) já conseguiram desvendar diversos crimes e desarticular – com as prisões – várias quadrilhas de homicidas que atuavam em bairros da periferia de Maceió, principalmente os da região Sul. Num rápido levantamento, em apenas dois anos, cerca de 100 pessoas foram mortas por jovens que não temiam a polícia alagoana.

 

Durante dois meses – novembro e dezembro – o EMERGENCIA190 tentou realizar uma matéria jornalística com integrantes da Força Nacional, da Polícia Militar e da Delegacia de Homicídios (DH) a fim de que fosse mostrado o trabalho positivo feito em Maceió e que levou a paz a várias localidades da capital, onde antes ninguém se arriscava sair das casas temendo ser morto.

 

Para isto mantivemos contato por telefone e emails – tramite legal – com a assessoria da Secretaria de Defesa Social (SDS), seguindo até o pedido do secretário de Defesa Social, Dário Cesar, que pessoalmente, em uma entrevista, se prontificou de também participar de outra matéria jornalista para falar sobre a nova estrutura que a policia alagoana possui.

 

Mas as tentativas foram em vão. Inicialmente as desculpas eram que as autoridades não tinham condições de gravar na data solicitada. Alteramos a data e a nova desculpa foi que alguns dos entrevistados iriam viajar devido às festividades de final de ano. Depois a assessoria deixou de atender as ligações feitas pelo EMERGENCIA190.



Notícias relacionadas


24/10/2014
Visitas: 36667141
Visitas De Hoje: 21540
União dos Palmares - AL

Enquete

Na semana da eleição, você já decidiu em quem ou como votar?
Total de votos: 950

Tribuna União 2007 - 2014
© Copyrigth - atribunadeuniao@gmail.com
site desenvolvido por: Lincoln Luiz - lincolnluiz.com@gmail.com