11/08/2022 11:57:25

Guerra
11/06/2022 00:00:00

Forças ucranianas resistem no leste da Ucrânia


Forças ucranianas resistem no leste da Ucrânia

A frente ucraniana mantém a resistência no leste do país - diz o Presidente da Ucrânia Volodymyr Zelenskyy. No entanto, com a aproximação dos combates, cada vez mais residentes deixam as cidades de Lyssyshansk e Severodonetsk.

"Porque me vou embora? Porque destruíram a minha casa. Deixei tudo para os vizinhos, até os meus gatos. É uma pena pelo jardim; plantei tudo e está bem conservado. Agora há mais bombardeamentos e muitas casas destruídas. Ontem muitas pessoas partiram. Vou-me embora com a minha mãe, ela tem 80 anos; agora vamos para a cidade de Dnipro", disse Olena Uchitenko, residente de Lysychansk.

As autoridades ucranianas estão a tentar tirar o maior número possível de civis das zonas em perigo.

É importante evacuar, porque agora enfrentamos bombardeamentos de todos os lados; e a vida é a coisa mais importante, a coisa mais valiosa para uma pessoa.

Oleksandr 
Tenente Coronel das Forças Especiais - Polícia de Lugansk

O Tenente Coronel das Forças Especiais da Polícia de Lugansk diz ser importante evacuar as cidades, visto que enfrentam bombardeamentos de todos os lados; defendendo que e a vida é a coisa mais valiosa para uma pessoa".

O governo ucraniano está a concentrar os esforços no Donbass, mas a Rússia pode abrir novas frentes de combate a qualquer altura.

Mesmo agora, durante esta entrevista, ouvimos a sirene (anti-aérea) e isso mostra que não estamos numa cidade pacífica e a guerra ainda não acabou. Compreendemos que qualquer lugar na Ucrânia pode ser alvo de bombardeamentos, incluindo Kiev.

Denys Monastyrsky 
Ministro do Interior da Ucrânia

Durante as celebrações do 350º aniversário do nascimento de Pedro o Grande, o Presidente da Rússia, Vladimir Putin colocou a guerra da Ucrânia ao mesmo nível da Grande Guerra do Norte, comparando-se ao legado do czar. Putin falou de uma recuperação do território russo.

Ele [Pedro o Grande] liderou a guerra durante 21 anos - poder-se-ia dizer que estava a lutar com a Suécia tentando apoderar-se de algumas partes. Mas não estava. Estava a regressar [à terra]. Regressar [à terra] e consolidar. Era isso que ele estava a fazer. Agora, parece que é a nossa vez de regressar e consolidar.

Vladimir Putin 
Presidente da Rússia
 
pt.euronews.com


Enquete
Classifique de 0 a 05 a nota que você dá ao trabalho SAAE de União dos Palmares
Total de votos: 5
Google News