Homem que teve quatro filhos assassinados em Coruripe é executado com tiros no rosto

857

Um homem identificado até o momento apenas como Nilson foi assassinado na tarde deste sábado, 29 de abril, em Coruripe, com disparos de arma de fogo no rosto. A vítima passava pelas imediações da Praça Branca de Neve quando foi surpreendida pelos projéteis.

De acordo com as informações colhidas por nossa redação, Nilson era pai do homem conhecido como Zé Bita, acusado de diversos crimes, e de outras três pessoas que também foram assassinadas em Coruripe.

A primeira vítima foi uma criança de apenas 8 anos. A garota estava em uma residência junto com o pai e demais familiares quando criminosos ainda não identificados se aproximaram e deflagraram diversos disparos de arma de fogo em direção ao imóvel.

A menina acabou sendo atingida pelos projéteis. Ela foi socorrida, mas depois de dias internada não resistiu aos ferimentos e em entrou em óbito. A segunda vítima foi o José dos Santos, conhecido como “Zé Bita”, 33 anos, morto em dezembro de 2016 dentro de sua própria residência.

“Zé Bita” era considerado um elemento perigoso, apontado pela polícia como o responsável por aproximadamente 10 homicídios registrados na região. Já no dia 19 de janeiro, foi a vez de Lúcio dos Santos ter o mesmo destino que o irmão e a irmã. A vítima passava em uma motocicleta pela localidade conhecida como “Macaco Molhado”, no Alto do Cruzeiro, quando foi surpreendido por diversos disparos de arma de fogo, vindo a falecer no local, antes mesmo de receber socorro médico.

A quarta pessoa da mesma família a ser assassinada foi Edna Maria dos Santos, 45 anos. “Pê”, como era mais conhecida, estava em um supermercado localizado no Conjunto Habitacional Roberto Biana, o Arco-Íris, quando quatro homens encapuzados chegaram em um carro de cor e placa não anotadas e deflagraram vários disparos de arma de fogo contra ela, que morreu antes mesmo de receber atendimento médico.

Assim como aconteceu na morte dos quatro irmãos, ninguém soube fornecer informações sobre as características dos responsáveis pelo homicídio. O corpo de Nilson, pai dos quatro irmãos assassinados em um curto espaço de tempo em Coruripe, permanece no local do crime à espera do Instituto Médico Legal e do Instituto de Criminalística. <> Aqui Acontece //